Páginas

01 maio 2011

Compilação de Alguns Detalhes

De modos que sou uma pessoa mal educada! Oh sim, eu sou mal educado. Disseram-mo duas vezes ontem, uma delas provocou de tal forma a ira do senhor, que a p*ta velha, com tendências a uma morte provocada por um saca-rolhas, pediu o livro de reclamações. Tudo isto porque eu estive na caixa da parte da tarde. Estava possessa já. Tinha 3 carros de compras cheios para arrumar, um grande atrasado na minha parte da limpeza e muita pouca paciência. Tinha saído da minha caixa três ou quatro vezes para apanhar talões que as pessoas atiram para o chão, descaradamente, à minha frente. Tinha acabado de o fazer quando a p*ta envelhecida vai à minha caixa. Recebe o troco e guarda-o, amarrota o talão e atira-o para o chão. Pfff! 

- Para a próxima, em vez de atirar o papel para o chão, tem aqui um caixote do lixo. Ou então, nem sequer aceita o papel e eu próprio o deito para o lixo em vez de mo atirar para o chão, mesmo quando tinha acabar de apanhar o vosso lixo! 

O senhor começou logo a discutir, que eu não era ninguém para o chamar à atenção e que isto e aquilo e que era mal educado e não sabia o meu lugar. E que por isso queria o livro de reclamações. Obriguei-o a esperar um bocadinho (relativamente grande) e só depois pedi o livro de reclamações. Mas a velha é tão inteligente que não preencheu a reclamação como deve ser e não meteu contacto (pelo que, logicamente, não poderá ser contactado!), portanto, a versão dada vai ser a minha. Sad Face*. 


Hoje não trabalhei. A minha loja este fechada por ser dia do trabalhador (amén!). Dois domingos de folga seguidos é a loucura. Portanto fui para o meu retiro energético, isto é, Lisboa. De modos que ia num autocarro praticamente vazio e entra um velho (como se ainda não tivessem percebido, os velhos perseguem-me!) que resolve ficar em pé, naqueles sítios vagos para pessoas com carrinhos de bebés ou deficientes em cadeiras de rodas. Umas paragens à frente, aparece uma senhora que trazia um filho deficiente em cadeira de rodas. Pediu muito educadamente ao homem para se desviar um bocadinho para ela poder colocar a cadeira no sítio certo e apertar o cinto de segurança. A besta envelhecida, muito relutante, não se quis deslocar ao que a senhora o chamou à razão, dizendo que era um local para cadeiras de rodas. O homem mostrou-se muito ofendido e começou a ofender a senhora e o filho. A besta passou por mim aos berros: '... vem esta merda, este lixo para aqui! ISTO É UM LIXO'. A minha única reacção foi deixar cair o queixo, ficar de boca aberta sem palavras, a olhar para a senhora coitada. Há pessoas que merecem uma bofetada na tromba e a Besta Envelhecida é uma delas.


Ainda por Lisboa, digo com todo o orgulho que não me perguntaram se queria droga. E deve ter sido a primeira vez! Mas talvez porque os Katharsis estavam a actuar e os dealers deviam estar muito atarefados lá pelo meio da audiência lol. 


E para finalizar, ainda por Lisboa. Vi tanta gente conhecida... o horror. Parecia mesmo que estava a ser perseguido. É que vi imensos clientes meus! Pessoas que tenho no facebook! Até um homem que me ia atropelando a semana passada e que é um segurança todo armário da Sport Zone do Chiado! Medo!

*Com uma pontinha (gigante) de ironia

6 comentários:

Mike disse...

Bem, tu realmente tens um karma...é mesmo perseguição.
Eu hoje passei-me de manhã, com uma tiazorra toda benzoca que literalmente me arrancou das mãos uma flor que eu estava a ver para dar à minha mãe.
Segundo a besta, a flor era para ela, e passo a citar "Eu estava ali a acabar o café e já a estava a ver".
Não há pachorra

Filipe M. disse...

Havia de ser comigo. Levava com ela na tromba para fazer um 'zoom in'!

pinguim disse...

Há gente estúpida e a boa educação não existe na maior parte das pessoas.
E é difícil mudar-lhes a mentalidade.

Filipe M. disse...

Pinguim, um berro ou dois ajudam a controlar minimamente, por um curto período de tempo, a coisa.

Falo por experiência!

Ikki disse...

A tua vida é uma quantidade incrível de episódios! Tens um magnetismo para atrair coisas deste género!
Quanto a ambos os senhores, são mesmo muito rudes e mal-educados. E depois ainda se queixam de nós, a malta jovem. Enfim!
Abraço!

Angelo disse...

De facto, as pessoas são muito mal educadas!!! E, ainda pior, porcas!!! E ainda se acham os reis do mundo!